Fjällmaraton dá início ao Spartan Trail World Championship

Autor: Redação    Data: 3-08-2020
Publicado em: Eventos

A edição de 2020 do evento sueco ficou marcada pelas medidas sanitárias e pelo line-up de luxo. As categorias Trail Ultra (100k) e Trail Run (43k) do Spartan Trail World Championship já têm os seus primeiros líderes e acelera a competição para os próximos desafios.

A primeira etapa do Campeonato Mundial Spartan Trail (STWC) teve como palco o Fjällmaraton, um dos eventos mais populares e reconhecidos no norte da Europa. É um festival de uma semana com distâncias para todos os corredores, este ano, alvo de alterações sanitárias  e de segurança, seguindo todos os protocolos necessários para garantir um evento seguro.

Dadas as restrições sanitárias, essa situação, as provas foram divididas em dois formatos: corrida aberta, onde os corredores puderam começar e terminar em um percurso marcado durante um determinado período de tempo, e um Elite Heat com vagas limitadas, o que permitiria aos atletas competirem pelos 22.800 dólares de prémios monetários e pontos no ranking da STWC.
Simen Hjalmar Wästlund e Azara García de los Salmones mais rápidos nos 100k

A distância de 100k era válida para a categoria Trail Ultra do STWC e foi marcada por um elevado ritmo desde o início. Simen Hjalmar Wästlund (Noruega), estreante nesta distância, conseguiu manter uma boa diferença e conquistar a vitória. O espanhol  Pau Capell (Espanha),  embaixador do circuito e vencedor da última edição do UTMB, embora tenha tido um começo difícil, recuperou e terminou em segundo. O talento local Johan Lantz (Suécia) enfrentou alguns problemas estomacais e terminou em terceiro.
A paciência foi decisiva na competição feminina,  com a embaixadora do Spartan Trail, Azara García de los Salmones (Espanha), a marcar um ritmo elevado desde o início,  para chegar à liderança a meio da prova e conquistar o lugar mais alto do pódio. O mesmo aconteceu com Anna Carlsson (Suécia), que correu de forma consistente e terminou no segundo lugar.

Os resultados completos da prova de 100k podem ser encontrados aqui.
Olle Kalered e Tove Alexandersson vencem os 43k

A KIA Fjällmaraton 43k foi a prova da categoria Trail Run da STWC. A competição antevia-se renhida, com a formação de um grupo constituído por várias elites mundiais. Foi Olle Kalered (Suécia) quem conseguiu escapar do grupo e bater o recorde do percurso por mais de 4 minutos, tendo cruzado a meta  com uma diferença de quase 10 minutos sobre Mårten Boström (Suécia).  Jesper Lundberg (Suécia) ficou em terceiro. O nosso André Rodrigues, atleta da Prozis, ocupou a terceira posição até aos 30k, mas acabou por admitir que havia sido “um bocado ingénuo ao avaliar o percurso por ser rápido no perfil e os tempos serem bons”. O terreno era a praia deles, “mas só é rápido porque eles se movem aqui com uma habilidade que eu não tenho”, acrescentou André Rodrigues.
No sector feminino, Tove Alexandersson (Suécia) “derreteu” o recorde da prova, tendo cruzado a meta com uma diferença de 15 minutos
para Fanny Borgström e Johanna Åstrom, que vinham juntas, mas foi finalmente Borsgtröm quem garantiu o segundo lugar. Åstrom ficaria com o terceiro lugar do pódio.
Os resultados completos da prova de 43k podem ser encontrados aqui.

Fotos: Johannes Poignant (1;2;3;4); Mikael Frisk (5;6);

X