Trail running: Miranda do Corvo recebeu a 7ª edição do épico “Trilhos dos Abutres”

Autor: Redação    Data: 30-01-2017
Publicado em: Race Report

As provas do “Trilhos dos Abutres” percorrem a zona histórica da vila de Miranda do Corvo e locais de grande beleza natural (ribeiras e cascatas) da Serra da Lousã, passando pelo Parque Biológico e pelas Aldeias do Xisto.

Esta edição foi composta por uma prova de longa distância – Ultra Trilhos 50km; uma prova de curta distância – Trilhos 30km; uma prova de Downtrail – 15km; uma caminhada (12km); uma prova para jovens dos 6/16 anos – Trilhos Júnior José Godinho.

O evento contou com atletas de topo a nível nacional e internacional e registou inscrições de participantes provenientes de Espanha, Brasil, Inglaterra, Sérvia, Bélgica, EUA, Irlanda, Holanda e Angola.  As três provas competitivas contaram com a participação de 1.168 atltetas. A “armada” espanhola contou com 62 atletas.

Os “Abutres” caracterizados pela sua dureza e pelos trilhos técnicos pertence ao Circuito Nacional de Ultra Trail Running da ATRP e é membro da International Trail Running Association, sendo  pontuável para o Ultra-Trail do Mont-Blanc.

O eventou contou também com uma Feira Abutrica, com exposição de material desportivo, stand dos parceiros oficiais, mostra de produtos locais, turismo, entre outros; uma Tertúlia com temas relacionados com a modalidade e um Concurso de Fotografia sobre o evento.

primeirosOs 50 quilómetros,  distância “rainha”, foi ganha por André Rodrigues (Dr. Merino/4Moove). O campeão nacional de ultra trail, na sua quinta participação na prova, completou os 50 quilómetros,  com um desnível acumulado de cerca de 2500 metros, em 05h:02m:42s.  O pódio masculino ficaria completo com Tiago Aires e Ricardo Silva, ambos atletas da EDV Viana Trail.

No sector feminino, Mercedes Pila, que integrava a “embaixada” espanhola de 62 atletas, bateu as portuguesas Lucinda Sousa e Fernanda Verde.

Os 30 quilómetros, com um desnível acumulado de aproximadamente 2.500 metros, tiveram como vencedores Tiago Romão (UF Com. e Ind. Atl.) e Sandra Marques (Profisio Team).

Já no Domingo, seria disputada a novidade desta edição, o Downtrail. Os 15 quilómetros desta prova tiveram como vencedores Jorge Pimenta (Dci/Ccdrpedrulha Mealhada) e Tuxa Negri  (Gin Quinta Do Valbom – Aaalcochete).

Em equipas, a EDV Viana Trail, recentemente reforçada com os atletas Tiago Aires e Hélio Fumo, ficou em primeiro lugar nos 50 Km. A Satecnosol Outdoor/Raidlight arrecadou a primeira posição nos 30Km.

O trail running é incontestavelmente uma alavanca para o turismo da natureza e do desporto, a que não será alheio o apoio de várias entidades, entre as quais, o Município de Miranda do Corvo e o Turismo do Centro. O protocolo recentemente celebrado entre a Associação Abutrica e a Coimbra Business School ISCAC vai permitir cohecer o impacto económico do evento.

romeug_abutresTudo começou com um grupo de amigos

O projecto nasceu de forma simples: um grupo de jovens de Miranda do Corvo decide, em 2003, juntar-se todas as segundas-feiras para jogar futsal no Pavilhão local, tradição que ainda se mantém. Nesse ano participam num torneio organizado pela Câmara Municipal de Miranda do Corvo e inscrevem-se como Abutres Futsal Club.

A camaradagem torna-se contagiante e juntam-se ao clube os amantes de downhill – Abutres Bike Team, os amantes de desportos motorizados de todo-o-terreno – Abutres Tinterra e os amantes de trail running – Abutres Running Team.

O sonho torna-se realidade quando, em 2009, criam a Associação Abútrica e realizam diversas actividades.

Em 2010 o grupo regista a marca ABUTRES® e o seu logótipo, criando no ano seguinte a prova de trail  – Trilhos dos Abutres. A prova conta com inúmeras inscrições de diversas nacionalidades, quer para as provas colectivas ou individuais.

Em 2015, as inscrições esgotaram em oito horas e a prova foi pautada pelas más condições atmosféricas, mas mesmo assim foi realizada. Ricardo Silva do EDV Viana Trail foi o vencedor masculino, estreante na prova, com 5h07m10, e também Ester Alves, representante da Salomon Suunto.

Em 2016, a participação tornou-se ainda mais disputada, dado que a organização reduziu as vagas e introduziu um sorteio. O objectivo da organização é reduzir a pressão sobre os trilhos da Serra da Lousã.

Este ano, com vista ao aprofundar do conhecimento de impacto económico-social e lançar as bases para uma aposta internacional do evento, a Associação Abutrica e a Coimbra Business School ISCAC celebraram um protocolo de parceria estratégica.


Classificações

50 km – Geral Masculinos

1.º André Rodrigues (Dr. Merino/4Moove) 05:02:42
2.º Tiago Aires (EDV Viana Trail) 05:04:54
3.º Ricardo Silva (EDV Viana Trail) 05:17:08

50 km – Geral Femininos

1.ª Mercedes Pila (Spoth-AMLSport) 06:16:08
2.ª Lucinda Sousa (Gondomar Futsal Clube) 06:27:50
3.ª Fernanda Verde (EDV Viana Trail) 06:43:31

30 km – Geral Masculinos

1.º Tiago Romão (UF Com. e Ind. Atl.) 02:59: 28
2.º Romeu Gouveia (Salomon Suunto) 03:04:10
3.º Paulo Serra (individual) 03:04:22

30 km – Geral Femininos

1.ª Sandra Marques (Profisio Team) 04:13:05
2.ª Daniela Russo (Oralklass-Amigos do Trail) 04:20:34
3.ª Nádia Casteleiro (Oralklass-Amigos do Trail) 04:20:40

Downtrail 15 Km – Geral Masculinos

1.º Jorge Pimenta (Dci/Ccdrpedrulha Mealhada) 00:45:46
2.º Jose Sequeira (Montanha Clube Trail Running/Efapel) 00:45:59
3.º Miguel Jaques (Olímpco Vianense Trail/Nd Sport) 00:48:12

Downtrail 15 Km – Geral Femininos

1.º Tuxa Negri  (Gin Quinta Do Valbom – Aaalcochete) 00:57:31
2.º Diana Ferreira (Barcelos Runners) 01:01:28
3.º Cátia Rodrigues (Proaventuras) 01:05:43

Equipas – 50 km

1.ª EDV Viana Trail
2.ª Dr. Merino/4Moove
3.ª AMCF – Arrábida Trail Team

Equipas – 30 km

1.ª Satecnosol Outdoor/Raidlight Portugal
2.ª All About
3.ª Oralklass-Amigos do Trail

Fotos: Matias Novo com Viana Cycles