André Rodrigues e Lucinda Sousa são os grandes vencedores da 4ª edição do Trail Porto da Cruz Natura

Autor: Redação    Data: 23-07-2017
Publicado em: Eventos

André Rodrigues e Lucinda Sousa  foram os grandes vencedores do Trail Porto da Cruz Natura.  A 4ª edição deste evento madeirense foi pautada por uma enorme competitividade nas provas e pela presença de uma constelação de estrelas do trail nacional (e internacional).

A Madeira quer ser um destino de turismo activo e o trail-running é um dos eixos principais desta aposta. A marca Madeira Ocean Trails é a face mais visível desta estratégia.

A freguesia do concelho de Machico possui trilhos fantásticos que são bem conhecidos dos participantes do MIUT e dos que já usufruíram do percurso de treino disponível disponível todo o ano.  Este percurso, mantido pela Junta de Freguesia, recebeu recentemente o estágio da selecção nacional de trail-running, na preparação para o respectivo Campeonato Mundial da modalidade.

Este evento visa promover a freguesia do Porto da Cruz como um sítio privilegiado para a prática da modalidade, tendo vindo a crescer de edição para edição e a consolidar-se como prova de referência do calendário nacional.. Este ano, a organização atingiu um patamar de excelência no leque de participantes e na competitividade que os mesmos proporcionaram.

A prova principal contou com 150 inscritos e a disputa já se previa acesa, dada a presença, entre outros, de Ricardo Silva (vencedor da edição anterior), André Rodrigues, Jerôme Rodrigues, Carlos Sá e os madeirenses Francisco Freitas e Ricardo Gouveia. Fernanda Verde, Lucinda Sousa e Sara de Brito também garantiam uma forte competitividade no sector feminino.

As previsões concretizaram-se e a alternância nos lugares da frente animou a prova. O primeiro lugar do pódio só ficou decidido na última descida, em que André Rodrigues conseguiu ser mais veloz que Carlos Sá. O atleta da Dr.Merino/4moove completou os 48km no tempo de 04h45m04s, garantindo uma vantagem de 01m33s sobre Carlos Sá. Ricardo Silva fechou o pódio.

No sector feminino, Lucinda Sousa foi líder incontestável durante toda a prova, cruzando a meta com o tempo de 05h59m55s. Sara Brito e Fernanda Verde foram, respectivamente, segunda e terceira.

A prova intermédia, Trail Longo Porto da Cruz Natura (22K), contou com 250 inscritos e afigurava-se também muito competitiva. Na linha de partida estavam anunciados, entre outros, Leonardo Diogo e Luís Fernandes, que representaram recentemente o nosso país nos campeonatos europeus de Sky-Running. Quem não estava anunciado era Ludovic Pommeret, o francês que no seu vasto currículo conta com a vitória no UTMB em 2016. O gaulês chegou, viu e venceu, tendo superado os madeirenses Luís Fernandes e Leonardo Diogo.

No final do evento, a opinião dos participantes era unânime, considerando o evento muito bem organizado, competitivo, com trilhos fantásticos e … uma experiência a repetir.

Trail Porto da Cruz Natura (48K)

Top 3 Masculino

1º André Rodrigues (Dr.Merino/4moove) 04:45:04
2º Carlos Sá (Berg Outdoor) 04:46:37 
3º Ricardo Silva (EDV-Viana Trail) 04:47:56 

Top 3 Feminino

1º Lucinda Sousa (Prozis) 05:59:55     
2º Sara De Brito  (Clube de Atletismo da Barreira) 06:10:50 
3º Fernanda Verde (EDV - Viana Trail) 06:29:12     

Trail Longo Porto da Cruz Natura (22K)

Top 3 Masculino

1º Ludovic Pommeret (Team Hoka One One)    01:51:17
2º Luís Fernandes (Ludens Club de Machico) 01:53:36
3º Leonardo Diogo (Clube Aventura da Madeira) 01:54:45

Top 3 Feminino

1º Catherine Royer (The Quebec Team) 02:28:18
2º Fabiana Gonçalves (AD Galomar) 02:35:53
3º Sara Rodrigues (ACD Jardim da Serra)    02:40:09 

Trail Curto Porto da Cruz Natura (10K)

Top 3 Masculino

1º Bruno Lambaz (CDC Porto Moniz) 00:50:02
2º Francisco Henriques (ACD Jardim da Serra) 00:51:21
3º Ricardo Jardim (RC Travel) 00:52:56 

Top 3 Feminino

1º Marilisa Fernandes (Individual)    00:59:30
2º Michele Faria (CD Infante) 01:01:01
3º Laurine Blanc (Libourne Triathlon) 01:01:02 

Todos os resultados em : http://apus.uma.pt/trail/#/event/57/summary

Fotos: Filipe Custódio e JF Porto da Cruz