Serras Solidárias: 5 serras e 5 maratonas de apoio a quem mais precisa

Autor: Redação    Data: 15-07-2020
Publicado em: Eventos

Nestes tempos em que a ajuda ao próximo se tornou mais importante que nunca, um grupo de amigos idealizou uma aventura de 5 dias por serras de Portugal (Estrela, Lousã, Freita, Marão e Gerês), percorrendo diariamente 42km em serra, trocando os km´s percorridos por Euros (€), a reverter na totalidade para a causa Espinho Solidário.

Este grupo pretende levar a cabo este desafio exigente a nível físico, porque querem que o mundo olhe para um conjunto de crianças que neste preciso momento enfrenta desafios mil vezes superiores. Querem com esta “aventura solidária”, à qual deram o nome de Serras Solidárias, ajudar de forma concreta a Associação Espinho Solidário com Famílias e Crianças Desfavorecidas, uma associação que apoia as famílias e crianças que a procuram nas mais diferentes vertentes.

Tratam-se, na sua maioria, de crianças com doenças raras, problemas oncológicos e diversos tipos de paralisias, o que como se compreende envolve um sem número de tratamentos dispendiosos. Mas não se tratam apenas de tratamentos, mas de tudo aquilo que envolve a reabilitação destas crianças, questões logísticas, equipamentos específicos e até alimentação.

É por isso urgente ajudar estas crianças a serem crianças. A poderem sorrir, andar, comer, falar… coisas tão básicas e tão simples que não deveria ser preciso lutar por elas. Infelizmente para estas crianças é preciso trabalhar muito para atingir alguns objectivos que para nós são adquiridos à nascença.

Um grupo de amigos, uma causa solidária, 5 serras e 5 maratonas de apoio a quem mais precisa!

Dez corredores (Edgar Resende, Pedro Bôto, Daniel Ribeiro, Pedro Nunes, Carlos Ferreira, Sérgio Santos, Pedro Menezes, Maria Elisa,  Paulo Morais e Ester Alves) vão fazer, em cinco dias seguidos (22 a 26 deste mês), cinco maratonas em cinco serras portuguesas. E cada um vai vender os seus 210 quilómetros para ajudar as 25 crianças.

Não foi estabelecido um valor fixo por quilómetro, cada um doa o valor que quiser e puder.

Os quilómetros são transformados em euros com transferências bancárias, a compra de t-shirts (a 15 e 55 euros) ou angariação de fundos na página de Facebook do projecto

A iniciativa conta com o apoio público do ultramaratonista Carlos Sá, da ex-atleta olímpica Aurora Cunha, da campeã da Europa Sara Moreira, do humorista António Raminhos e do Maia Atlético Clube, entre outros.

 

X